Aprenda a fazer linguiça artesanal

Aí chame os amigos e familiares para provar uma receita que vai agradar aos mais exigentes paladares

Que o churrasco no fim de semana está entre os programas preferidos da maioria dos brasileiros, todos nós já sabemos. A novidade que está conquistando cada vez mais os apreciadores desse encontro entre familiares e amigos é a produção de linguiça artesanal.

Até porque mais do que inovar na gastronomia, hoje, produzir o seu próprio alimento envolve questões de saúde. Isso em razão de que, ao preparar uma linguiça artesanal, é necessário um cuidado especial com a qualidade da matéria-prima.

Além disso, outro motivo que está fazendo com que a charcutaria, como também é conhecido o processo de elaboração da linguiça artesanal, esteja cada vez mais presente é o fato de o preparo ser muito fácil e permitir usar a criatividade na hora de escolher os ingredientes que irão compor o produto.

Segundo o chef  Mário Portella, especialista em carnes e conservação, a dica é sempre usar 70% da carne que você quiser e mais 30% de proteína emulsificante. Nesse caso, considera-se uma proteína emulsificante partes como copa-lombo, bochecha ou paleta. É importante que, durante o processo, as partes estejam geladas, só assim ele será concluído corretamente.

Vale lembrar também que depois de moídas, as carnes precisam de água (o líquido deve corresponder a 20% do peso da carne que está sendo preparada) ao serem misturadas. Apenas dessa forma, chegarão à textura ideal. Depois disso, basta colocar na geladeira, deixar descansar por 12 horas e, então, encher as tripas manualmente e levar as linguiças para assar.

Mário ainda afirma que quando falamos de linguiça artesanal, “não existe mágica! Se pegar uma carne ruim, procedente de um animal mal alimentado, o resultado será ruim. É um ciclo completo, que começa na criação da fazenda”.

Agora que você já sabe como é fácil o processo, que tal preparar o embutido de forma artesanal? Depois compartilhe conosco a sua experiência de chef de cozinha.

 

 

Clique e leia a matéria completa

Tags

Compartilhe nas suas Redes Sociais:

Cadastre-se e tenha acesso a conteúdos exclusivos e personalizados

Cadastro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*