Menos chuvas e menos frio em curto prazo

No Centro-Sul, as temperaturas mínimas subiram, mas o mercado do boi ainda sentiu os efeitos do avanço das escalas de abate devido ao clima adverso.

Previsão do tempo julho

No Centro-Sul, as temperaturas mínimas registradas foram maiores na semana que se encerrou.

Segundo informações do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), entre os dias 15 e 19 de julho, as mínimas ficaram próximas de -1ºC nos estados da região Sul, frente a temperaturas abaixo de -5ºC registradas na primeira metade do mês.

Com isso, a ocorrência de geadas diminuiu, assim como a intensidade também foi menor em relação ao início de julho, em boa parte, de fraca a moderada. Veja a figura 1.

Figura 1
Ocorrência de geadas no Brasil nos últimos cinco dias. Referência: 19 de julho de 2019.
previsão do tempo julho

previsão do tempo julho

Fonte: INMET

Com menos chuvas e geadas no Sul, a colheita da safra de inverno avançou em um ritmo melhor nos últimos dias, comparativamente com as primeiras semanas do mês.

Na pecuária de corte, depois da “desova” de animais verificada devido ao clima adverso no Centro-Sul, que refletiu em maior oferta de boiadas para abate e pressão de baixa sobre os preços do boi gordo na primeira quinzena, a situação ficou mais dentro da normalidade.

No entanto, com as escalas de abates mais confortáveis advindas das compras nas semanas anteriores, o viés de baixa se manteve sobre as cotações no mercado do boi.

Norte e Nordeste

Na região Norte, os volumes de chuvas estão mais dentro da normalidade para o período, ou seja, segue chovendo no Acre, Amazonas, Pará, Roraima e Amapá. O volume acumulado em julho chega a 150-200 milímetros em algumas áreas.

Destacamos, porém, Rondônia, onde, em algumas regiões (Cone Sul e Norte do estado), não chove há 10-15 dias. Veja a figura 2.

Figura 2
Chuvas acumuladas no Brasil em julho (até o dia 18), em milímetros.previsão do tempo julho
Fonte: USDA

No Nordeste, as precipitações diminuíram nas últimas semanas, conforme já era esperado para o período. Em julho, as chuvas ficaram concentradas em Sergipe e Alagoas.

Previsão para o final de julho

Para o final deste mês, a previsão é de que as temperaturas médias se elevem nos estados do Sul e Sudeste do país (figura 3).

No entanto, o clima frio e a possibilidade de geadas permanecem no radar de monitoramento.

Figura 3
Previsão de temperaturas médias no Brasil entre os dias 19 e 27 de julho de 2019, em ºC.previsão do tempo julho
Fonte: USDA

Além de temperaturas médias ligeiramente acima das registradas até então, para o final de julho, a previsão é de chuvas apenas no extremo Norte e extremo Sul do país, conforme apresentamos na figura 4.

Figura 4
Previsão de chuvas no Brasil entre os dias 19 e 27 de julho de 2019, em milímetros.previsão do tempo julho
Fonte: USDA


Toda segunda-feira um novo boletim climatológico é publicado às 6h. Não deixe de acompanhar!

 

Clique e leia a matéria completa