Previsão de chuvas para o Rio Grande do Sul!

As chuvas previstas para os próximos dias são bem-vindas, mas a preocupação continua no estado, já que, mais para o fim do mês, não deverá chover.

chuvas no rio grande do sul

As últimas semanas foram marcadas pela estiagem e forte calor no Rio Grande do Sul, especialmente no Norte/Noroeste do estado e também no Oeste de Santa Catarina.

Nessas regiões, praticamente não choveu em 2020 ou o volume não ultrapassou os 25 milímetros no acumulado até o dia 9 de janeiro. Veja a figura 1.

Figura 1
Volume de chuvas acumulado no Brasil em janeiro/2020 (até o dia 9), em milímetros.

chuvas no rio grande do sul

Fonte: CPTEC / INMET

Além da falta de chuvas, foram registradas temperaturas elevadas no Rio Grande do Sul nos primeiros dias de 2020.

Observe, na figura 2, que, no Norte do estado, as temperaturas máximas ficaram entre 3ºC e 4ºC acima da média histórica para o período em questão.

Figura 2
Anomalias (desvios) de temperatura máxima no Brasil em janeiro/2020 (até o dia 9), em ºC.

chuvas no rio grande do sul

Fonte: CPTEC / INMET

Com isso, as lavouras de grãos foram prejudicadas e são esperadas previsões para baixo nas produtividades médias da safra 2019/2020 no Rio Grande do Sul, principalmente para o milho de verão ou primeira safra. Algumas instituições apontam para perdas de até 30% nos rendimentos médios do cereal em algumas propriedades.

As pastagens de verão também foram afetadas por essas condições adversas, o que deverá impactar a produção de leite e a oferta de gado para abate no estado em curto e médio prazos.

É importante destacar que em outras partes do país, como em São Paulo, Rio de Janeiro, Mato Grosso do Sul e Bahia, as temperaturas máximas também ficaram acima da normal climatológica. No entanto, choveu nessas localidades, o que diminuiu os impactos sobre a agricultura e a pecuária.

Boas notícias!

Para os próximos dias, a previsão é de chuvas em boa parte do Centro-Sul brasileiro, incluindo o Rio Grande do Sul, onde as precipitações poderão chegar até 70-80 milímetros no acumulado entre os dias 10 e 18 de janeiro. Veja a figura 3.

Figura 3
Previsão de chuvas no Brasil entre os dias 10 e 18 de janeiro de 2020, em milímetros. 

chuvas no rio grande do sul

Fonte: USDA

Na figura 4, é apresentada a previsão de chuvas detalhada para o Rio Grande do Sul.

Figura 4
Previsão de chuvas no Rio Grande do Sul entre os dias 10 e 18 de janeiro de 2020, em milímetros. 

chuvas no rio grande do sul

Fonte: Secretaria Estadual de Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural do Rio Grande do Sul

Essas chuvas, se confirmadas, serão benéficas e poderão reduzir, em parte, as perdas esperadas para as culturas de verão no estado.

Para o mercado do milho, especificamente, esse quadro diminui as especulações acerca da oferta do cereal na primeira safra. Mas, de qualquer forma, os estoques internos mais apertados no país, previstos para o final da temporada atual, deverão manter o viés de alta sobre os preços do cereal no mercado brasileiro.

Outro ponto de atenção é que, a partir do dia 18/1, a previsão é de que não chova ou chova pouco no estado, com volumes de até 10-20 milímetros no acumulado até o dia 26 deste mês.

Figura 5
Previsão de chuvas no Brasil entre os dias 18 e 26 de janeiro de 2020, em milímetros. 

chuvas no rio grande do sul

Fonte: USDA

Toda segunda-feira um novo boletim climatológico é publicado às 6h. Não deixe de acompanhar!

Clique e leia a matéria completa