Cenário de ajustes para o boi gordo em dezembro

Há pressão de baixa no mercado do boi gordo, mesmo sem excesso de oferta de gado

As valorizações para o boi gordo, que ocorriam desde meados do ano, deram espaço para desvalorizações. Após meses de um movimento forte de valorização, é comum um período de ajustes, como observado em 2019, por exemplo.

Considerando a referência para o boi gordo em São Paulo, houve recuo de 5,1% entre o pico de preços observado na primeira quinzena de novembro e as cotações no fim do mês (30/11). Veja a figura 1.

Figura 1.
Preços do boi gordo, R$/@, à vista, livres de impostos, em São Paulo.

Fonte: Scot Consultoria

Conforme comentado anteriormente neste espaço, o movimento atual não indica uma alteração do cenário para o boi gordo em médio prazo.

Em novembro, foram divulgados dados parciais de abate pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), apontando uma redução de 10,8% no terceiro trimestre de 2020 na comparação com o mesmo período de 2019, o que demonstra que o cenário de disponibilidade restrita de gado continuou ajudando as cotações nos últimos meses.

Na segunda metade de novembro, embora a oferta de boiadas não tenha aumentado de maneira importante, o escoamento doméstico mais calmo na segunda quinzena permitiu que alguns frigoríficos saíssem das compras, testando o mercado.

Com os testes, alguns pecuaristas que vinham retendo o gado, à espera de mais altas, começaram a negociar. Isso gerou alguma melhoria na oferta, permitindo a continuidade da pressão, ainda observada.

A situação incerta no mercado do boi gordo deixou o comprador mais cauteloso, diminuindo a demanda pelas categorias de reposição. Ainda assim, como a oferta dessas categorias mais jovens está curta, os vendedores não têm aceitado preços menores e o cenário segue firme, mas com movimentação pequena.  

No mercado externo, considerando a média diária até a terceira semana de novembro, houve aumento de 9,4% na comparação com o mesmo período de 2019 (Secex). Ao deixar menos carne no mercado interno, o ritmo das exportações tem sido um importante vetor de sustentação da carne no mercado doméstico ao longo dos últimos meses.

De toda forma, na última semana foram observados recuos para a cotação da carcaça no atacado. A queda, considerando o bovino castrado, foi de 2,5% ao longo da semana e é um indicativo de que o escoamento sentiu a segunda metade do mês.

Expectativas

A tendência é de uma menor movimentação para o boi gordo nestas próximas semanas. Embora o consumo de carne no mercado doméstico encontre em dezembro um bom período, a busca por boiadas tende a diminuir consideravelmente na segunda metade do mês.

Na primeira metade de dezembro, os frigoríficos ainda buscam gado para os abates, devido ao período de melhor consumo do ano –  Natal e Ano Novo. No entanto, passados alguns dias do último mês do ano, a tendência é diminuir a movimentação de negócios com o boi gordo, tanto pela produção de carne para a segunda quinzena, que praticamente já ocorreu, como pela diminuição do ritmo de negócios por parte dos pecuaristas.

Normalmente, a oferta de gado cai bastante na segunda metade de dezembro e melhora apenas na segunda quinzena de janeiro. Muitas vezes, isso ajuda a segurar as pontas do cenário de consumo mais lento do início do ano, com os impostos e o cenário de menor renda no início do ano.  

Hyberville Neto – médico veterinário, msc.
Scot Consultoria

Clique e leia a matéria completa

Tags

Compartilhe nas suas Redes Sociais:

Cadastre-se e tenha acesso a conteúdos exclusivos e personalizados

Cadastro

4 respostas para “Cenário de ajustes para o boi gordo em dezembro”

  1. Avatar Nelson Camargo Filho - Paraná (PR) disse:

    Senhores, entendo que para uma análise mais acurada, os dados comparativos mês a mês de 2020 também deveriam ser apresentados, e não apenas os de 2019 frente aos de 2020!

    1. Pasto Extraordinário Pasto Extraordinário disse:

      Oi Nelson, tudo bem? Na matéria trazemos o gráfico de evolução dos preços da @. Caso queira verificar outras análises dos meses anteriores, confira nossa seção “Mercados” ou clique aqui: https://pastoextraordinario.com.br/tag/boi-gordo/ 🙂

  2. Avatar Pedro Pereira de sousa - Acre (AC) disse:

    Importantes informações do mercado do boi

    1. Pasto Extraordinário Pasto Extraordinário disse:

      Agradecemos, Pedro 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*