Comitiva Pantaneira: experiência única e cheia de história

Roteiro turístico em Miranda (MS) propõe comitiva e imersão completa na cultura pantaneira

Comitiva Pantaneira

Você já pensou em fazer parte de uma Comitiva Pantaneira? Cavalgar pelas áreas alagadas do Pantanal, conduzir o gado por estradas de chão, experimentar a saborosa culinária típica de um acampamento e, ainda, descansar em uma rede entre as árvores? Isso é possível em Miranda, localizada a 212 quilômetros de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul. A cidade oferece um roteiro turístico completo, uma experiência única e um verdadeiro mergulho na cultura sul-mato-grossense. Tudo isso para o turista se aventurar como um verdadeiro peão de boiadeiro.

Para o proprietário da Consciência Ecológica Viagens e Turismo, Mário Nelson Benites, o objetivo das comitivas pantaneiras é propiciar aos participantes um passeio inesquecível em total sintonia com a natureza em pleno Pantanal brasileiro. “A Comitiva Pantaneira é um produto turístico que valoriza a tradição do homem pantaneiro e apresenta novas possibilidades de integrar o turismo, a cultura e a gastronomia regional. Para mim, é um orgulho ter essa opção de passeio no meu portfólio”, afirma.

A médica Evanir Lucas Andrade Elvas participou neste ano de uma Comitiva no Pantanal. Para ela, a oportunidade foi única para apreciar um cenário exuberante da fauna e flora brasileiras. “Adoro a região sul-mato-grossense, pela beleza natural do lugar e pela hospitalidade dos moradores. Não tem nada mais gostoso que respirar aquele ar puro da mata, descansar em uma rede embaixo da sombra de uma árvore e ouvir uma boa história”, lembra.

O proprietário da operadora de turismo conta que a procura pelo passeio vem crescendo na região. Por isso, toda a logística, segurança e estrutura são muito bem planejadas para dar todo o suporte aos participantes. “Nossa preocupação é fazer uma cavalgada prazerosa e com segurança, pois temos crianças, idosos, enfim, famílias inteiras participando, incluindo turistas estrangeiros, e todos interagindo com a comunidade local”, enfatiza Benites.

Leia também: Você conhece a história do berrante?

Evanir complementa que a Comitiva proporciona uma experiência excepcional, já que ela e sua família puderam ter contato direto com o modo de vida simples do homem pantaneiro. “Foram três dias de imersão na cultura, música, natureza, culinária e integração homem-cavalo”, detalha.

Essa atividade passou a fazer parte do portfólio das agências e operadoras de turismo do Pantanal na década de 1990, quando surgiu a ideia de segmentação do turismo. Na época, foram criadas rotas de gastronomia, vinhos e cervejas. Teve início também a conscientização dos fazendeiros para abrirem as portas das antigas fazendas de gado aos turistas apreciadores da cavalgada.

 

Ficou com vontade de participar de uma Comitiva Pantaneira? Conte para gente nos comentários!

— 

Leia mais: Saiba onde e qual espécie pescar em água doce no Brasil

Clique e leia a matéria completa

Tags

Compartilhe nas suas Redes Sociais:

Cadastre-se e tenha acesso a conteúdos exclusivos e personalizados

Cadastro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*