Pecuarista leiteiro aumenta a produtividade da fazenda ao apostar na Integração Lavoura-Pecuária-Floresta

Propriedade de João Batista Borges, no estado de Goiás, produz cerca de 700 litros de leite por dia, e o alimento é a principal fonte de renda da família do produtor

 

Pecuarista leiteiro João Batista Borges investiu no sistema de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta

A partir da implementação do sistema de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (ILPF) em sua propriedade, o pecuarista leiteiro e agricultor familiar João Batista Borges alavancou a produtividade na Fazenda Dona Ana, que fica em Quirinópolis, no sul de Goiás.

Em 2018, com a assistência da Agência Goiana de Assistência Técnica, Extensão Rural e Pesquisa Agropecuária (Emater GO) e da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Borges deu início ao projeto. A ILPF destaca-se por manter diferentes sistemas produtivos – agrícolas, pecuários e florestais – em uma mesma área. Por meio da sucessão e da rotação, o sistema possibilita que se tenha um benefício mútuo para todas as atividades praticadas no local.

LEIA TAMBÉM: Integração lavoura-pecuária-floresta cresce como opção de recuperação de pasto a baixo custo

Bem-estar animal e produtividade

“Pegamos uma área nua e a transformamos em floresta em pouco tempo. A partir disso, passamos a produzir leite, carne e grãos. O sistema ILPF permitiu que a produtividade melhorasse porque favoreceu o bem-estar animal. Os animais estão do jeito que gostam: com comida e sombra. Dessa maneira, o resultado aparece”, explicou o pecuarista.

A Fazenda Dona Ana tem 44 hectares e produz cerca de 700 litros de leite por dia. O alimento é a principal fonte de renda da família de Borges. Além da produção de leite, o ciclo produtivo do sistema é completado com a lavoura de soja.

Para a Emater GO, atualmente, Borges é referência na agricultura familiar e a propriedade dele é um modelo para outros produtores do Centro-Oeste do Brasil. Contudo, o produtor humildemente não se apropria do título. “Não me considero uma referência. Eu apenas me sinto realizado de estar produzindo alimento e, ao mesmo tempo, colaborando com o meio ambiente”, afirmou.

Borges acredita que a ILPF proporciona um futuro promissor. Por isso, recomenda a adoção do sistema para outros pecuaristas e produtores rurais. “O primeiro passo para quem quer implementar a Lavoura-Pecuária-Floresta é procurar orientação técnica e discutir a viabilidade do projeto”.

SAIBA MAIS: Apresentando o sistema de integração lavoura-pecuária

 

 

A fazenda de João Batista Borges fica em Quirinópolis, no sul de Goiás / Crédito: Emater GO

Povoamento florestal

Borges tem usado o eucalipto para fazer o povoamento florestal da fazenda. Ele contou que escolheu essa espécie de árvore para cumprir o objetivo de plantar uma floresta no espaço, pois o eucalipto tem uma boa capacidade de crescimento e é de fácil manejo.

Junto ao ILPF, o pecuarista também faz uso do pastejo rotacionado, ou seja, divide a área de pastagem em piquetes que se alternam entre períodos de pastejo e de descanso.

O sistema de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta

A ILPF pode ser aplicada em propriedades de qualquer tamanho – de pequeno, médio ou grande porte, de acordo com a Emater GO. Porém, é preciso analisar as condições do local, como temperatura, relevo, litologia, umidade do ar, radiação e tipo de solo. A Emater GO dispõe de profissionais habilitados para acompanhar todas as etapas da implementação. Eles orientam o produtor na escolha de mudas, na adubação adequada, no controle de pragas e ainda ajudam na aquisição de equipamentos de precisão e na elaboração de projetos de financiamento rural.

LEIA TAMBÉM: É possível intensificar a produção de carne com foco na pecuária sustentável?

Você é adepto da ILPF ou já pensou em adotar esse sistema na sua fazenda? Esperamos que esse conteúdo seja um incentivo à aplicação da Integração Lavoura-Pecuária-Floresta, gerando diversos benefícios para o produtor rural e para o meio ambiente.

Clique e leia a matéria completa

Tags

Compartilhe nas suas Redes Sociais:

Cadastre-se e tenha acesso a conteúdos exclusivos e personalizados

Cadastro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*