Pratos de Natal de Norte ao Sul do Brasil

Separamos cinco receitas para a ceia de Natal das diversas regiões do Brasil. Carnes, aves e peixes, é só escolher o seu prato preferido.

pratos de natal

Um país tão rico e cheio de iguarias como o Brasil é um prato cheio para quem gosta de apreciar sabores. No Natal, essa vontade aumenta ainda mais. É hora de reunir a família e os amigos para preparar receitas deliciosas. Selecionamos uma receita de cada região do país para compartilhar com você. No nosso cardápio tem peixe, ave e carnes, claro. Bom apetite!

Da região Sul

A contribuição da região Sul do país vem do chester, um frango criado de maneira diferente da forma convencional para ser uma alternativa ao tradicional peru de Natal. Lançado no mercado em 1982, após três anos de desenvolvimento em um fabricante de Santa Catarina, o chester já está nas mesas de muitos brasileiros na ceia de Natal. A ave é alimentada à base de milho e soja, e o objetivo é produzir um frango com menos gordura. Vamos à receita!

Chester assado ao molho de laranja, melado de cana e especiarias

Ingredientes 

1 chester

3 xícaras  de chá de suco de laranja

1 cebola pequena

3 colheres de sopa de melado de cana

½ xícara de melado para finalização

2 colheres de chá de amido de milho

2 colheres de sopa de mostarda

1 colher de chá de gengibre ralado

3 dentes de alho

1 tablete de caldo de legumes

2 xícaras de chá de gomos de laranja

Sal e pimenta a gosto 

Como preparar

Descongele o chester 24 horas antes de iniciar a receita.

Para a marinada: em um liquidificador ou processador de alimentos, junte o suco de laranja com o melado, a mostarda, a cebola, o alho e o gengibre ralado. Bata por, pelo menos, 2 minutos ou até que fique bem líquido e homogêneo.

Em uma assadeira, coloque o chester na marinada e deixe na geladeira por 2 horas, fechado e protegido.

Preaqueça o forno a 200 graus e coloque o chester com a marinada, regando-o a cada 20 minutos, por cerca de 1 hora e 45 minutos.

Faltando 10 minutos para finalizar, passe mais melado generosamente por cima de todo o chester e não regue mais com a marinada.

Retire do forno, separe-o em outra travessa e passe todo o conteúdo da marinada para uma panela. Se necessário, passe a marinada por uma peneira.

“Limpe” a forma com 2 xícaras de caldo de galinha bem quente e coloque o resto da mistura na panela também.

Cozinhe tudo em fogo bem baixo, adicione os gomos de laranja, adicione sal e pimenta a gosto.

Finalize adicionando o amido diluído em uma colher de sopa de água gelada. Espere engrossar e regue o Chester com essa mistura antes de levar à mesa.

Região Norte

Indo para o outro extremo do Brasil, a receita é do tambaqui assado da Dona Norma. O tambaqui é um dos peixes mais deliciosos da culinária amazonense. Como a região tem muita fartura em peixes, essa receita pode ser feita com qualquer um, desde que cortado ao meio. Anote a receita!

Tambaqui assado da Dona Norma

pratos de natal

Ingredientes

1 metade de peixe já limpa, com pele

Suco de 3 limões

Sal e pimenta a gosto

1 tomate picado em cubinhos

1 cebola cortada em cubinhos

Salsinha picadinha a gosto

3 colheres de sopa de molho de tomate

Azeite

Batatas em rodelas cozidas

Como preparar

Tempere o peixe com limão, sal e pimenta e deixe marinando por 30 minutos.

Disponha o peixe em um refratário grande com a pele virada para baixo.

Misture o tomate com a cebola, salsinha e molho de tomate, tempere com um pouco de sal e pimenta.

Cubra todo o peixe com essa misturinha.

Disponha as batatinhas ao redor do peixe e regue tudo com azeite.

Leve ao forno por cerca de 45 minutos (vai depender do seu forno e do tamanho do peixe)

Região Sudeste

Em muitas famílias, não pode faltar a carne suína na ceia de Natal. Então, buscamos na culinária mineira, rica em ingredientes e temperos, a dica de receita. É o clássico leitão pururuca, de origem portuguesa, mas que se tornou popular em Minas Gerais. O termo “pururuca” vem do tupi e significa: “o que produz barulho”. Isso porque, após o seu preparo, a pele do porco fica extremamente crocante e dura. Anote!

Leitão pururuca

pratos de natal

Ingredientes

1 ½ xícara de chá de óleo

2 cebolas picadas

6 dentes de alho

 ½  xícara de chá de salsa ou salsinha picadas

2 limões inteiros

1 pimenta dedo-de-moça picada

1 leitão

Sal a gosto

Azeite a gosto

Como preparar

Bata no liquidificador o óleo, a cebola, o alho, a salsa, o suco de limão, a pimenta, o sal e o azeite. Bater até virar uma pasta homogênea.

Em uma forma, coloque o leitão e passe o tempero em pasta por cima dele.

Cubra com um filme plástico e leve à geladeira. De vez em quando, vá colocando o tempero que escorre sobre a carne novamente.

Após esse período, retire o leitão da forma e limpe o tempero que ficou sobre ele (embora pareça estranho, esse procedimento é necessário, pois o tempero que fica queima rapidamente, podendo assim alterar a aparência e gosto do leitão).

Coloque o leitão sobre uma grelha própria para assados, de preferência uma que asse todos os lados igualmente.

Cubra com papel alumínio e deixe assar por aproximadamente 4 horas.

Após o período de 4 horas, retire o papel alumínio e deixe assar por mais 1 hora.

Para fazer a pururuca, aqueça bastante o óleo, passe gelo em cima da pele do leitão e, com uma concha, jogue o óleo quente sobre o leitão.

Repita o procedimento até levantar bolhas por cima da pele do leitão e está pronto.

Região Nordeste

A culinária baiana é uma mistura de três etnias: índio, português e africano. O resultado é uma explosão de sabores. E para o Natal, que tal uma receita típica da região? O bobó de camarão. Conseguimos para você a receita do prato preparado pela chef Tereza Paim, que comanda o restaurante Casa de Tereza. Vamos lá?

Bobó de camarão

pratos de natal

Ingredientes

2 kg de camarão médio ou grande com cabeça e cascas (descasque separando as cabeças e as casacas para o caldo. Mantenha o camarão sem cascas em geladeira ou protegido com um paninho e coberto de gelo para não perder a textura).

1 cebola média picadinha

2 tomates picadinhos

1 molho de coentro médio (picar metade e deixar metade inteiro para decorar)

1/2 molho de cebolinha médio picado

2 dentes de alho picado

50 g de pimentão amarelo picado

50 g de pimentão vermelho picado

1 kg de mandioca fresca

2 pimentas dedo-de-moça com talo

2 pimentas doces

Sal a gosto

3 pimentas doces picadinhas

400 ml de leite de coco fresco ou, se comprar industrial, escolha um que não contenha amido processado

50 ml de dendê fresco

Como preparar o caldo

Leve ao fogo as cabeças e as cascas dos camarões com todos os temperos + 1 pimenta dedo-de-moça inteira com talo e 2 pimentas doces picadinhas. Cozinhe até reduzir à metade, retire a pimenta dedo-de-moça, bata rapidamente no liquidificador em modo pulsar 5 vezes, coe em peneira fina e reserve.

Como preparar o prato

Cozinhe o aipim com sal a gosto. Inclua água fria aos poucos para provocar choque térmico. Depois de cozido, passe no processador com o leite de coco e o caldo aos poucos até obter uma massa lisa e homogênea. Leve novamente ao fogo com o dendê e mexa vigorosamente. Quando levantar fervura, inclua os camarões temperados com sal, pimenta branca, pimenta doce picadinha e deixe cozinhar rapidamente. Sirva com coentro fresco e pimenta dedo-de-moça inteira. Bom apetite!

Região Centro-Oeste

Já para o Natal da região Centro-Oeste, que tal uma receita de filé mignon ao molho de damasco com raspas de laranja, do chef Celso Junior, do Café Savana? Anote!

Filé mignon ao molho de damasco com raspas de laranja

pratos de natal

Ingredientes

 4 bifes de filé mignon sem gordura (400 g)

1 cebola bem picada

4 colheres de sopa de vinho tinto

2 colheres de sopa de molho shoyo light

4 colheres de sopa de purê de tomate

50 g de damascos secos cortados em tiras finas

1 colher de chá de tomilho fresco

1 colher de chá de amido de milho

1/2 xícara de chá de água

1 colher de chá de sal

1 laranja pequena

Modo de fazer

Aqueça uma frigideira antiaderente e grelhe a carne dos dois lados, até ficar dourada.

Acrescente a cebola, o vinho, o shoyo, o purê de tomates, os damascos, o tomilho e o amido dissolvido em água e sal, leve ao fogo e mexa até engrossar.

Montagem do prato

Coloque primeiro o filé, jogue o molho de damasco por cima e, para finalizar, acrescente as raspas de laranja e sirva.

Com tantas opções gastronômicas deliciosas espalhadas por todo o Brasil, fica difícil escolher uma só para a ceia de Natal. Estamos curiosos para saber o que você e sua família costumam comer nesta data, conte para gente nos comentários!

Clique e leia a matéria completa

Tags

Compartilhe nas suas Redes Sociais:

Cadastre-se e tenha acesso a conteúdos exclusivos e personalizados

Cadastro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*